ptenes

 Foram investidos R$5 milhões, em valores atualizados, na revitalização do espaço público que se encontrava abandonado pelo poder público

f1Na próxima segunda-feira, dia 7 de junho de 2021, a Fundação Comunitária Tricordiana de Educação - FCTE, mantenedora da Universidade Vale do Rio Verde (UninCor) e do Colégio de Aplicação, entregará as chaves do Centro Integrado de Práticas Esportivas (CIPE) para a Prefeitura Municipal de Três Corações.

O Centro Integrado de Práticas Esportivas – CIPE originou-se da antiga Praça de Esportes, localizada no centro da cidade de Três Corações, ao lado do Estádio Municipal, que durante muito tempo serviu à população tricordiana como um local de lazer e práticas esportivas.

Após um período de total abandono, o local foi tomado pelo mato, depredado por vândalos, passou a servir como abrigo para andarilhos e usuários de drogas, além de favorecer à prática de prostituição, também sendo foco de dengue por conta do lixo acumulado.

Para a reestruturação e reconstrução do complexo esportivo, foram investidos quase R$5 milhões em valores atualizados com a construção de oito salas de aula, banheiros e portaria, adequação para acessibilidade, bem como reformas das áreas administrativas, quadras de tênis, pista de skate, quadra de vôlei, quadra poliesportiva, cantina, sala de dança, casa de materiais. Também foi feita a reforma e aquecimento da piscina, novo projeto paisagístico e luminotécnico e adaptação de consultórios de avaliação física e nutricional.

Além dos cursos de graduação ofertados no local e do atendimento à comunidade, foi criado um projeto social para atender as sete escolas municipais de Três Corações. Eram 300 crianças e adolescentes participando ativamente do projeto nas modalidades voleibol, futsal, basquete, handebol e natação.

f5Apesar do termo de cessão do local ter prazo de 20 anos, a atual administração municipal entrou com ação judicial pedindo a devolução do imóvel. Mesmo podendo recorrer judicialmente, a instituição optou por já desocupar o local nesta semana. Os cursos de graduação, bem como o Colégio de Aplicação não terão prejuízo nas aulas práticas, visto que já foi providenciado um novo local com a mesma estrutura.

Infelizmente, a comunidade será a grande prejudicada com esta ação que nos parece muito mais com finalidades políticas do que administrativas, visto que o alto custo de manutenção do local, que poderia ter um uso compartilhado entre a UninCor e a Prefeitura, como foi proposto em audiência de conciliação e não foi aceito pelo poder público. A UninCor pedirá judicialmente, o ressarcimento dos investimentos ali realizados, pois a FCTE não pode ser penalizada por questões políticas.

“Hoje é um dia triste para todos nós, com a entrega da Praça de Esportes ao poder público. Só espero que, ao contrário do que vimos no passado, a prefeitura cuide daquele espaço e não o deixe abandonado como quando assumimos e revitalizamos. Mas a missão da UninCor continuará sendo cumprida, atendendo e prestando serviço à comunidade, independentemente do apoio da administração municipal”, afirmou o Professor Leandro Rodrigues, diretor geral da UninCor.