ptenes

Estudantes do Curso de Ciências Contábeis da UninCor apresentaram na terça-feira, 04, o Seminário IRPF 2017. A atividade envolveu profissionais da área, estudantes e professores, no Salão Nobre da UninCor, e abordou as principais questões sobre a declaração do Imposto de Renda, que encerra no fim deste mês.
 
A programação contou com a presença do Conselheiro do CRCMG Jovem, Vidigal Fernandes Martins, que apresentou a palestra "Atuação do CRCMG para jovens lideranças contábeis", e falou dos desafios e as oportunidades para os profissionais da área. Participaram também do evento o Conselheiro do CRCMG e Presidente do Sindicato dos Contabilistas de Varginha, Janilton Marcel Paiva, e o Delegado do CRCMG de Varginha, Helbert Lúcio Melo. Na ocasião, a professora Talilian Borges, que coordena as atividades do Simpósio juntamente com o professor Luiz Augusto Reis Almeida, foi homenageada por ter sido empossada, na última semana, como delegada do CRCMG de Três Corações. 
 
O Simpósio faz parte das atividades realizadas pela turmas do 7º período do curso que apresentou de forma descontraída as principais informações sobre a declaração do Imposto de Renda de com o teatro "A Declaração é NOSSA", parodiando o humorístico de Carlos Alberto de Nóbrega.
 
"Essas ações têm o objetivo em mostrar aos nossos alunos como nossa profissão é atuante, dinâmica e de grande importância no cenário atual. A cada evento, a integração entre os alunos e a forma como eles demonstram o aprendizado conquistado durante a graduação faz com que o nosso Curso de Ciências Contábeis UninCor se torne referência", comentou a Coordenadora do Curso, professora Kênia Mendes.
 
O prazo final para a entrega da declaração do Imposto de Renda 2017 será dia 28 de abril. Até o momento, menos de 28% das declarações já foram realizadas. É importante ficar atento às novas regras que passaram a valer este ano com relação a dependentes, aquisição ou financiamento de imóveis, aposentadoria e despesas com educação. Quem se antecipou e enviou a declaração no início do período tem a vantagem de receber a restituição do IR já a partir de junho, caso a Receita não constate nenhum erro ou inconsistência na declaração. Quem não realizar a declaração no prazo pode pagar multa de R$ 165,74 a até 20% do imposto devido.